in

Morador de rua, que tem a sua cachorrinha como protetora, reencontra a sua família depois de 30 anos

Que os cachorros são os melhores amigos do homem, todo mundo já sabe. Mas você sabia que os cachorros protegem os homens de qualquer mal que possa ocorrer, se tornando os seus verdadeiros companheiros fiéis? É sobre isso que falaremos hoje através de uma emocionante história.

No ano passado, uma mulher ativista, quando passava pelo Largo do Cambuci viu, uma cena de mais puro amor: um morador de rua e uma cachorrinha juntos e abraçados, se esquentando. Por conta dessa maravilhosa cena, a mulher – chamada Maria – tirou uma bela foto representando o amor entre o dono e a sua cachorra.

No dia seguinte, pela manhã, a mesma mulher que tirou a foto encontrou o morador de rua acordado, e mostrou a fotografia para ele. Vendo a bela imagem, o morador – que se chama Ivanildo – ficou encantado, e começou a bater um longo papo com Maria. Por conta dessa conversa, a ativista descobriu o nome da fiel escudeira de Ivanildo: Tullyy.

Por que Ivanildo se encontrava nessa situação delicada?

O morador de rua se encontrava naquela situação por conta do seu problema relacionado ao alcoolismo crônico, que o afastou do seu trabalho e dos seus familiares. Por conta disso, Ivanildo viu como a única solução dos seus problemas, ir morar na rua.

Durante a conversa com Maria, Ivanildo contou dos seus sérios problemas de saúde: o morador de rua sofria com graves problemas de coluna, e ainda por cima era cego de um olho.

Por conta da história pesada de Ivanildo, Maria se viu sensibilizada com a situação e decidiu ajudar o homem. Algumas vezes, ela levou alimento para Ivanildo, e fazia as suas refeições junto com ele.

Para se manter na rua, Ivanildo fazia artesanato, confeccionando panelinhas e cinzeiros. Concomitantemente a isso, o morador de rua tinha que fazer muito esforço para se manter sóbrio e não se entregar ao alcoolismo. Isso porque em outras ocasiões, ele já tinha tido diversos problemas relacionados ao álcool.

Com algumas vendas de artesanato, Ivanildo conseguia se alimentar e dar comida para a sua fiel companheira, Tullyy.

Mas, no meio do caminho problemas piores aconteceram: Ivanildo perdeu a visão do outro olho, o que o tornou completamente cego. Devido a isso, o morador de rua voltou a consumir bastante álcool. Quando Maria passava pelo local onde ele “morava”, sempre via Ivanildo deitado no chão, muito bêbado.

Mas uma coisa sempre chamava a sua atenção: ninguém chegava perto do morador de rua, pois Tully sempre protegia o seu companheiro, devido ao amor animal. Ninguém podia se aproximar de Ivanildo, pois a cachorrinha sempre o protegia, a todo momento, não importa em que situação ele se encontrasse.

A fim de ajudar Ivanildo, pessoas que moravam nas redondezas começaram a procurar pela família dele. E a encontrou, depois de algum tempo de pesquisas. A sua família (composta por uma irmã e um sobrinho) ainda morava em Olinda, Pernambuco, e vieram pegá-lo para voltar para casa.

A família contou que achava que Ivanildo estava morto, já que não tinham notícias dele havia mais de 30 anos. Mas, que estavam alegres por conseguir encontrar Ivanildo, e que o levariam de volta para casa.

Assim, Ivanildo voltou para os braços da sua família com a sua cachorrinha do lado, após 30 anos sem reencontrá-los. Belíssima, história não é mesmo? E a parte mais bonita é que Ivanildo nunca se separou da sua fiel cachorrinha, Tullyy.

Isso demonstra como é forte o amor animal: por mais que Ivanildo se encontrasse em uma situação na qual muitas pessoas o desprezassem, a sua cachorrinha nunca o deixou de lado, sempre proporcionou todo o amor para o morador de rua, não importando em que situação ou condição ele se encontrasse. Isso porque o amor animal é totalmente genuíno.

E aí, gostou do nosso artigo de hoje? Para saber mais informações sobre o amor animal, continue acompanhando o nosso blog. Postaremos ainda mais dicas e notícias sobre o mundo pet!

Fonte: Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

amor animal

Homem cria lugar para abrigar cães de idade avançada

Cachorro corre por 200 km em busca dos donos que o rejeitaram